glória gloria3 gloria4 Demo image Demo image Demo image Demo image Demo image

ESPECIAL CACHOEIRA VALE DO CEU

  • 25 de out de 2007
  • Danilo José Soares Marques


































































  • ESPECIAL VALE DA BABILÔNIA - Edição 1

  • Danilo José Soares Marques

















































































  • IMAGEM DA IGREJA MATRIZ DE SÃO JOÃO BATISTA DO GLÓRIA

  • 4 de out de 2007
  • Danilo José Soares Marques

  • VALE DA BABILONIA

  • 3 de out de 2007
  • Danilo José Soares Marques






  • UM PARAÍSO PROTEGIDO POR VALES, RIOS E SERRAS

  • 1 de out de 2007
  • Danilo José Soares Marques

  • Mais que uma cidade um Paraíso

  • Danilo José Soares Marques
  • SÃO JOÃO BATISTA DO GLÓRIA
    MAIS QUE UMA CIDADE UM PARAÍSO

    São João Batista do Glória é uma típica cidade do interior de Minas Gerais. Com pouco mais de 7 mil habitantes e todo o acolhimento do povo mineiro, “o Glória” , como a cidade é conhecida na região, é um pedaço de terra abençoado pela natureza com trilhas, cachoeiras, piscinas naturais, riachos e lagoas.

    De acordo com o Comtur, Conselho Municipal de Turismo, o município tem pelo menos 130 cachoeiras. Algumas de fácil acesso, ótimas para quem vem a passeio com a família e crianças; outras perfeitas para quem gosta de se aventurar por trilhas mais difíceis e praticar esportes radicais.

    Como fica localizada em uma região montanhosa, o Glória também possui vales e serras de beleza inigualável como o Chapadão da Babilônia e o Vale da Babilônia, de onde se pode desfrutar de um visual incrível de toda a região e também da vizinha Serra da Canastra.




    Capela em São João Batista do Glória



    A vegetação da região é típica de Cerrado, com áreas de Mata Atlântica, o que e favorece o contato com uma rica variedade de plantas e flores, algumas de espécies pouco conhecidas.

    O município possui várias pousadas aconchegantes e com infra-estrutura completa. Para os passeios em trilhas é aconselhável que o visitante contrate o serviço de um guia para evitar contratempos.




    Cachoeira Maria Augusta




    O Paraíso Perdido é um dos principais atrativos do município. Trata-se de um complexo de cachoeiras com água cristalina, piscinas e pedras que formam tobogãs naturais. O local possui ainda infra-estrutura com banheiros, área de camping e um restaurante com comida típica mineira. Além disso, é bem sinalizado com orientações para a segurança dos visitantes. O acesso ao Paraíso Perdido é pela Rodovia MG-050, próximo ao km 315 (placas no local).
    Pela mesma MG-050 o visitante pode chegar às cachoeiras do Filó e Cascata. A cachoeira do Filó fica praticamente às margens da rodovia, próxima ao km 300. Já para chegar à Cascata e mesmo ao Paraíso Perdido, é preciso percorrer pequenos trechos de estradas de terra




    PARAÍSO PERDIDO





    Artesanato local

    Para chegar em São João Batista do Glória, é preciso atravessar de balsa um trecho do Rio Grande, em um trajeto tranqüilo que já é um bom começo de passeio.

    O Glória está localizado às margens do Rio Grande, próximo à Usina Hidrelétrica de Furnas. A cidade surgiu há quase dois séculos, com a construção de uma capela dedicada a São João Batista, da igreja da Glória, em terras doadas pela família Goulart, fundadora do povoado. O nome oficial foi adotado em 1911.

    Passeio de jipe no Glória.

    São João Batista do Glória faz parte do circuito turístico da Serra da Canastra e está entre os que podem ser atingidos pela ampliação do Parque Nacional da Serra da Canastra.

    Apesar do grande potencial turístico, São João Batista do Glória ainda é uma cidade pequena e tranqüila. Por isso mesmo, atraente, perfeita para quem busca interação com a natureza. No Glória é possível encontrar sossego e aventura na mesma proporção.

    Como chegar
    Para quem vem do sentido de Belo Horizonte (362 km) pela MG-050, seguir até 5 km depois da Usina Hidrelétrica de Furnas. Depois pegar à direita uma estrada de terra até São João Batista em um percurso de 19 km (há sinalização).

    De São Paulo (415 km), pela Rodovia Bandeirantes ou Anhangüera até Campinas e depois pela Adhemar de Barros até Mococa. Seguir em direção a Belo Horizonte e entrar em Passos. Atravessar a cidade até a rua Barão de Passos e seguir em direção ao Porto do Glória, onde é feita a travessia de balsa. O aeroporto mais próximo fica em Ribeirão Preto (180 km).
    Caminhada na Serra da Babilônia, próximo a São João Batista do Glória.